Notícia

Palestra para produtores abordou enfermidades de bovinos de leite

Compartilhar:
30 de jul de 2009 Diversos
Imagem Palestra para produtores abordou enfermidades de bovinos de leite
Palestra para produtores abordou enfermidades de bovinos de leite
Cerca de oitenta produtores de leite participaram da palestra Enfermidades de Bovinos, ministrada pelo veterinário Willian Vasconcelos, do Laboratório Hipra, anteontem (29) à noite, nas dependências do restaurante Gauchão (PR-323). O evento foi promovido pela Prefeitura, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, em parceria com a cooperativa Cocamar.
Segundo Vasconcelos, é importante atentar para sintomas que podem indicar doenças capazes de ocasionar prejuízos consideráveis, como brucelose, leptospirose, IBR (Rinotraqueíte Infecciosa Bovina) e BVD (Diarréia Viral Bovina). "A atenção constante acaba sendo a melhor alternativa para a prevenção de doenças reprodutivas nas vacas de leite", disse.
A brucelose é uma doença infecciosa altamente transmissível, causada pela bactéria Brucella abortus, que acomete muitas fêmeas em idade reprodutiva ativa, causando abortamento (eventualmente atinge machos). Também causada por bactéria, a leptospirose é uma doença infecciosa de distribuição cosmopolita. É uma zoonose, pois pode acometer o homem. Com uma evolução em geral não aparente, pode apresentar manifestações como abortamento, hematúria, anemia, icterícia e óbito.
A IBR (Rinotraqueíte Infecciosa Bovina) é uma síndrome viral causada pelo Herpesvirus do tipo 1, podendo ocasionar vários quadros clínicos e perdas significativas na produtividade da pecuária leiteira e também de corte. A BVD (Diarréia Viral Bovina) é considerada uma das mais frequentes síndromes virais, acarretando transtornos reprodutivos e nascimento de animais fracos, propensos portadores e transmissores da doença. Segundo informações, de 70 a 90 % da população de bovinos no mundo apresentam quadro soropositivo para BVD (anticorpos por contato com o vírus). "A palestra foi esclarecedora. Além de disponibilizar informações importantes, permitiu aos participantes tirar várias dúvidas", avaliou o diretor de Agricultura, Claudio Marconi.