Notícia

Torneio Leiteiro: destaque na programação comemorativa dos 55 anos do município

Compartilhar:
9 de jun de 2010 Diversos
Imagem Torneio Leiteiro: destaque na programação comemorativa dos 55 anos do município
Torneio Leiteiro: destaque na programação comemorativa dos 55 anos do município

Um evento diferente na agenda comemorativa do 55º aniversário do município. De 25 a 27 de junho, o 1º Torneio Leiteiro Umuarama apresentará exposição de bezerras, equipamentos, veículos e alternativas para elevar a produção. Se competições do gênero são comuns na programação paralela de grandes eventos, como a Expo Umuarama, a novidade fica por conta da escolha do local, o mesmo que abriga a tradicional Feira do Produtor, na avenida Ângelo Moreira da Fonseca (imediações do Bosque Uirapuru).
"Teremos ainda praça de alimentação, muitas opções de entretenimento e uma competição de ordenha com animais selecionados. O principal objetivo é chamar a atenção para as vantagens do consumo do leite e seus derivados, bem como para a importância econômica da atividade", explica o chefe da Divisão de Vigilância Sanitária Animal da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, Pedro Thiago Fenato.
Atualmente, mais de 600 famílias são responsáveis por uma produção diária superior a 55 mil litros. "Um aspecto importantíssimo é o trabalho em prol da melhoria dos rebanhos, notadamente nos últimos anos", ressalta Fenato, mencionando os avanços do Programa de Inseminação Artificial (PIA). Alguns exemplos são as aquisições de botijões de sêmen e ordenhadeiras novas. "Os investimentos em tecnologia não podem parar", diz. Os visitantes terão a oportunidade de conhecer em detalhes as raças Gir, Pardo Suiço, Jersey, Girolando e Holandesa.

Números do PIA
O PIA beneficia aproximadamente 200 pequenas propriedades. O aumento da renda está atrelado à diminuição dos custos. A realização de exames para identificação de doenças como brucelose e tuberculose é um dos quesitos para adesão. O município realizou 2.043 inseminações no ano passado. A meta é superar 2.500 em 2010, estipulando um recorde. Com os novos botijões, será possível elevar o número de atendimentos significativamente, sem custo nenhum para os produtores.