Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

E-Lixo recolhe quase 3 t de eletrônicos que poderiam ser descartados no ambiente

Compartilhar:
18 de out de 2021 Agricultura e Meio Ambiente
Imagem E-Lixo recolhe quase 3 t de eletrônicos que poderiam ser descartados no ambiente
E-Lixo recolhe quase 3 t de eletrônicos que poderiam ser descartados no ambiente

Quase três toneladas de eletroeletrônicos inservíveis – ou ainda funcionais, porém ultrapassados – foram entregues na ação ambiental E-Lixo, na última sexta-feira, 15, em Umuarama. A organização foi do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento (Sescap) do Paraná, em parceria com a Diretoria do Meio Ambiente da Prefeitura, a Universidade Paranaense (Unipar), Universidade Alfa (UniAlfa), clube de serviço Rotaract, o Instituto Federal do Paraná (IFPR) e o Serviço Social do Comércio (Sesc/Umuarama).

O mau tempo atrapalhou um pouco a ação, mesmo assim muitas pessoas compareceram para dar a destinação correta ao lixo eletrônico. “Recebemos muitos televisores de tubo, alguns de tela plana, computadores velhos, impressoras e celulares, além de cabos e equipamentos de som. Também recolhemos 42 quilos de pilhas velhas, que também representam um material perigoso para o meio ambiente”, disse o diretor de Meio Ambiente da Prefeitura, Rubens Sampaio.

Parte dos materiais recolhidos – como peças de computador – serão reaproveitadas pelos parceiros, em oficinas educacionais, e doados em entidades. Os materiais inservíveis foram transportados até o aterro sanitário municipal, onde serão classificados e encaminhados para reciclagem pela Cooperativa dos Trabalhadores e Prestadores de Serviços da Reciclagem de Resíduos Sólidos de Umuarama (Cooperuma).

O foco da campanha é o descarte adequado do lixo eletrônico (aparelhos, peças e acessórios de informática, etc.). “Além do recolhimento dos resíduos, o evento também é importante para a conscientização sobre o descarte correto desse material, que pode ser muito prejudicial se jogado direto no meio ambiente”, disse Sampaio.

Em Umuarama, continuou o diretor, já funciona a coleta seletiva semanal em toda a cidade e nos distritos. “Uma vez por semana a população pode descartar eletroeletrônicos, que são recolhidos e tratados de forma adequada, além de gerar renda aos associados da cooperativa”, completou Sampaio.

Visualizar imagens Flickr

Vídeos relacionados

Veja mais